A natureza universal sustenta a vida de todos os seres. (Dalai Lama)
ISSN 1678-0701 · Volume XX, Número 76 · Setembro-Novembro/2021
Início Cadastre-se! Procurar Área de autores Contato Apresentação(4) Normas de Publicação(1) Artigos(8) Notícias(7) Reflexão(4) Para sensibilizar(1) Arte e ambiente(1) Sugestões bibliográficas(2) Educação(1) Ações e projetos inspiradores(2) Cidadania Ambiental(1) O Eco das Vozes(1) Do Linear ao Complexo(1) Relatos de Experiências(9)   |  Números  
Ações e projetos inspiradores
08/06/2021 (Nº 75) MENINA DE 10 ANOS LIDERA CAMPANHA CONTRA LIXO PLÁSTICO
Link permanente: http://revistaea.org/artigo.php?idartigo=4136 
  

MENINA DE 10 ANOS LIDERA CAMPANHA CONTRA LIXO PLÁSTICO

Skye Neville lançou uma campanha contra a distribuição de brindes plásticos em revistas infantis e conquistou vitórias importantes

Por

 Natasha Olsen

Com 10 anos, a menina conseguiu resultados importantes na luta contra o lixo plástico. Foto: Hannah Neville



Skye Neville é uma menina de 10 anos que vive no País de Gales e adora revistas infantis, mas nunca gostou dos brinquedos de plástico que as suas publicações preferidas trazem como brindes. Leitora de publicações como Eco Kids Planet, The Week Junior e Horrible Stories, ela entrou em contato com as editoras para falar sobre o assunto.

Estou muito preocupada com a quantidade de plástico que ainda está sendo produzido, jogado fora e poluindo nossos oceanos e meio ambiente. É por isso que quero que as editoras de revistas e quadrinhos realmente se preocupem com o meio ambiente e parem de distribuir brinquedos de plástico com suas publicações”, disse ela.

Sua reclamação no entanto, não teve a resposta esperada. Os primeiros editores a responderem, da Kennedy Publishing, alegaram que faziam o possível para tornar as revistas ecologicamente corretas e argumentaram que os brinquedos podiam ser usados mais de uma vez.

Skye, não aceitou esta resposta e lançou uma petição online para que as empresas responsáveis pelos seus quadrinhos favoritos eliminassem os “brinquedos de plástico horríveis” que são distribuídos junto com as revistas.

QUAISQUER ‘PRESENTES’ QUE AS REVISTAS OFEREÇAM DEVEM SER SUSTENTÁVEIS E ÉTICOS PARA QUE POSSAMOS PROTEGER NOSSO PLANETA PARA NÓS E PARA AS GERAÇÕES FUTURAS.”

Skye Neville

Quatro meses depois de lançar a sua campanha contra os brindes plásticos, a menina angariou várias assinaturas e recebeu o apoio de políticos e ativistas ambientais. Como resultado, a Waitrose, outra grande editora anunciou que, inspirada por Skye vai parar de vender revistas infantis contendo brinquedos “descartáveis”. Em entrevista ao famoso jornal The Guardian que estava “muito satisfeita” com a decisão da Waitrose.

ACHO UMA PENA QUE OS EDITORES PRECISEM SER AVISADOS DE QUE O QUE ESTÃO FAZENDO É ERRADO. SERIA BOM SE ELES LEVASSEM ISSO A SÉRIO, SEM TER QUE OUVIR CRIANÇAS DE 10 ANOS COMO EU.”

Skye Neville

A Waitrose disse que vai remover brinquedos plásticos das revistas infantis nas próximas oito semanas. “Muitas revistas infantis contêm brinquedos de plástico gratuitos que têm uma vida útil muito curta e que não são facilmente reciclados. Isso não inclui itens de artesanato educacionais ou reutilizáveis, como lápis e canetas para colorir ou modelos colecionáveis que devem ser usados várias vezes”, comunicou a empresa.

A luta continua...





Eu tive toneladas de coisas moles e uma caneta de esqueleto que você nem conseguia escrever. Muito lixo de plástico” Fotografia: Hannah Neville

Além das milhares de pessoas que assinaram a campanha online, Skye chamou a atenção de políticos locais, como Liz Saville Roberts, que apresentou uma moção inicial pedindo ao governo do Reino Unido que encoraje os editores produzirem revistas mais ecológicas.

A ativista mirim recebeu ainda o apoio de ONGs e da a comissária das gerações futuras do País de Gales, Sophie Howe que se comprometeu a ajudar na campanha.

Skye agora está se preparando para escrever para todas as escolas no País de Gales para destacar o problema.

A campanha de Skye ganha ainda mais importância pelo fato de que a cidade onde ela vive, Fairbourne, e sua comunidade costeira estão ameaçadas pelas mudanças climáticas, com a possibilidade de remoção de moradores antes de 2050.

Inspiração

O pai de Skye, Dave trabalha como carteiro e está muito orgulhoso da filha. “É incrível o que ela conquistou. Ela demonstrou poder e tenacidade. Ela não cedeu. Espero que isso inspire outros jovens a perceberem que sua voz pode ser ouvida se eles forem apaixonados por um determinado assunto”, disse.

Skye chamou a atenção para o impacto que o plástico está tendo no planeta em todo o mundo e as consequências devastadoras do plástico descartado em nossos oceanos e ambiente natural. É espantoso perceber o quanto o plástico que polui nosso mundo é apenas uma coisa inútil. Devemos despertar para o quanto estamos desperdiçando recursos naturais insubstituíveis em marketing”, reforçou Saville Roberts.



SEU LOBBY APAIXONADO E BEM-SUCEDIDO REFLETE O AMPLO APOIO QUE SUA CAMPANHA RECEBEU, APRESENTANDO AOS POLÍTICOS E AOS PRINCIPAIS PARTICIPANTES DA INDÚSTRIA ALGUMAS VERDADES DURAS SOBRE A POLUIÇÃO DO PLÁSTICO.”

Saville Roberts



Fonte: Ciclo Vivo

https://url.gratis/0wHZCJ







Ilustrações: Silvana Santos