O modo de funcionamento da humanidade entrou em crise. (Ailton Krenak)
ISSN 1678-0701 · Volume XXI, Número 80 · Setembro-Novembro/2022
Início Cadastre-se! Procurar Área de autores Contato Apresentação(4) Normas de Publicação(1) Artigos(11) Notícias(11) Dicas e Curiosidades(1) Reflexão(1) Para sensibilizar(1) Dinâmicas e recursos pedagógicos(1) Entrevistas(1) Arte e ambiente(1) Sugestões bibliográficas(1) Educação(1) Você sabia que...(1) Sementes(1) Ações e projetos inspiradores(5) Cidadania Ambiental(1) Do Linear ao Complexo(3) A Natureza Inspira(1) Relatos de Experiências(9)   |  Números  
Ações e projetos inspiradores
13/09/2022 (Nº 80) PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA REDE MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ VIRA EXPOSIÇÃO INTITULADA “A NATUREZA DEVOLVE O QUE NÃO É DELA”
Link permanente: http://revistaea.org/artigo.php?idartigo=4337 
  

PROJETO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DA REDE MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ VIRA EXPOSIÇÃO INTITULADA “A NATUREZA DEVOLVE O QUE NÃO É DELA”

A iniciativa reuniu em banners o trabalho de 119 escolas

Projeto “A natureza devolve o que não é dela” - Foto - Helber Aggio_PSA (5)

Tudo começou com a proposta de trabalhar a temática para que crianças, jovens e adultos, compreendessem o Meio Ambiente em sua totalidade e as consequências que atos inadequados do descarte do lixo podem causar ao ecossistema. Foram meses de trabalho e, nesta segunda-feira (29), uma exposição com a participação das 119 escolas da rede municipal marcou o encontro de encerramento do projeto “A natureza devolve o que não é dela”.

As atividades registradas foram expostas durante encontro no Centro de Formação de Professores Clarice Lispector e prestigiadas por gestores das unidades escolares da rede e equipamentos da Educação, além de funcionários da Secretaria que colaboraram direta ou indiretamente para o sucesso do projeto.

Projeto “A natureza devolve o que não é dela” – Foto – Helber Aggio_PSA (16)

O prefeito Paulo Serra também marcou presença no evento. “Este é um dia importante na nossa rede, já que esse trabalho de Educação reforça a cultura da sustentabilidade, bem como a conscientização da importância da reciclagem. São simbolismos que contribuem para a formação das nossas crianças e que fazem a diferença no nosso dia a dia”, destaca o chefe do Executivo.

O objetivo da ação, além das atividades pedagógicas que foram realizadas, teve como foco compartilhar informações que incluíram endereços e locais de descarte correto de lixo, para que os rios, córregos e bueiros carregassem apenas água nos seus leitos e não tivessem seus fluxos interrompidos por resíduos descartados em locais indevidos, dificultando a volta à normalidade na vida dos cidadãos.

Assim que implantamos a proposta do projeto ‘A natureza devolve o que não é dela’ a expectativa era saber se as nossas escolas abraçariam essa causa. Graças à participação de todos, durante todo esse primeiro semestre tivemos nossas equipes envolvidas para o sucesso deste programa. A mensagem que fica é que quanto mais tratarmos bem o Meio Ambiente, melhor a nossa condição de vida”, pontua a secretária de Educação, Cleide Bauab Eid Bochixio.

Projeto “A natureza devolve o que não é dela” – Foto – Helber Aggio_PSA (4)

De acordo com a secretária adjunta de Educação, Erica Ferreira, a iniciativa merece continuidade. “Este é um assunto que trabalharemos de maneira constante e já entrou em nossa grade curricular”, reforça, ao elogiar a participação da equipe no projeto pioneiro da Educação de Santo André, trazendo a reflexão de que “a natureza devolve o que não é dela”.

O projeto envolve todos os alunos que frequentam o Atendimento Educacional Especializado nos diferentes polos distribuídos pelo município de Santo André. Entre os assuntos abordados estão: água limpa e consumo responsável, jardim sensorial com plantas aromáticas utilizando materiais recicláveis, os 5 Rs da sustentabilidade, horta autoirrigável com garrafas PET e arte.

Teatro – Reforçando a temática dos trabalhos práticos e educativos, o evento desta segunda-feira contou com a atuação da companhia Trucks de teatro, que apresentou a peça Expedição Pacífico como atividade cultural desse dia. A encantadora interpretação ficou por conta dos atores Rogério Uchoas e Gabriel Setchin.

Até o dia 5 de setembro serão exibidos dois espetáculos por dia para alunos da rede municipal de ensino, contemplando cerca de três mil alunos.

Fonte: Projeto de educação ambiental da rede municipal de Santo André vira exposição - ABC Repórter (abcreporter.com.br)



Ilustrações: Silvana Santos