O modo de funcionamento da humanidade entrou em crise. (Ailton Krenak)
ISSN 1678-0701 · Volume XXI, Número 80 · Setembro-Novembro/2022
Início Cadastre-se! Procurar Área de autores Contato Apresentação(4) Normas de Publicação(1) Artigos(11) Notícias(11) Dicas e Curiosidades(1) Reflexão(1) Para sensibilizar(1) Dinâmicas e recursos pedagógicos(1) Entrevistas(1) Arte e ambiente(1) Sugestões bibliográficas(1) Educação(1) Você sabia que...(1) Sementes(1) Ações e projetos inspiradores(5) Cidadania Ambiental(1) Do Linear ao Complexo(3) A Natureza Inspira(1) Relatos de Experiências(9)   |  Números  
Para sensibilizar
13/09/2022 (Nº 80) VAMOS USAR A IMAGINAÇÃO, SE JOGA!
Link permanente: http://revistaea.org/artigo.php?idartigo=4322 
  

VAMOS USAR A IMAGINAÇÃO, SE JOGA!

Marina Strachman



Resumo: Em tempos de estresse, imagine sair do furacão da neurose com uma atitude fácil, leia o texto!



Imagine....

Vamos usar a imaginação, se joga!

Imagine se o mundo que nós vivemos fosse sem dor, sem sofrimento, sem medo, sem fome!

Se fosse um mundo de amor.

Agora a Marina pirou, vocês devem estar pensando!

Mundo de amor, com tudo que está acontecendo neste momento?

Nós seres humanos temos a linda capacidade de “sair fora” da situação, por pior que ela seja, existem várias artimanhas:

- Fechar os olhos e respirar profundamente 3x;

- Sair e dar uma volta na natureza;

- Um bom banho de chuveiro;

- Um mergulho no mar;

- O cansaço gostoso depois de um exercício prazeroso;

- Plantar uma árvore;

- Um cafezinho gostoso;

- Ter atenção plena em uma coisa;

- Visitar seus avós;

- Cantar;

- Dançar;

Você já foi capaz de experimentar uma dessas artimanhas?

É mágico!!

E assim você pode ser mais feliz e fazer quem estiver a sua volta mais feliz, sair da crise.

E posso dizer que suas atitudes com relação a você, e com relação aos outros também vai mudar pra melhor, porque você vai perceber que pode muito mais coisas, sua autoestima vai melhorar, você vai se conhecer melhor e seu modo de se tratar e de tratar as pessoas a sua volta, vão ser mais leves.

Experimente!

E curta essa música de Chico Buarque escrita nos anos 80.

Fantasia

Chico Buarque

E se, de repente
A gente não sentisse
A dor que a gente finge
E sente
Se de repente
A gente distraísse
O ferro do suplício
Ao som de uma canção
Então, eu te convidaria
Pra uma fantasia
Do meu violão

Canta, canta uma esperança
Canta, canta uma alegria
Canta mais
Revirando a noite
Revelando o dia
Noite e dia
Canta a canção do homem
Canta a canção da vida
Canta mais
Trabalhando a terra
Entornando o vinho
Canta
Canta a canção do gozo
Canta a canção da graça
Canta mais
Preparando a tinta
Enfeitando a praça
Canta
Canta a canção de glória
Canta a santa melodia
Canta mais
Revirando a noite
Revelando o dia
Noite e dia

https://www.youtube.com/watch?v=QfIf2I_8tNQ

Até a próxima!!

Marína Strachman – Consteladora Familiar, Especialista em Bem Estar e Felicidade, empresária Woman Time Campinas, Arquiteta e Urbanista, Mestre em Desenvolvimento Regional e Meio Ambiente e Especialista em Educação Ambiental.

marina.strachman@gmail.com



Ilustrações: Silvana Santos